Tungcast#024: Stevie Ray Vaughan

stevieray

 

Baixe em mp3 (35MB) – clique com o botão direito e escolha “salvar como”

00:00 – Apresentação: “Scuttle Buttin’” (ao vivo no Carnigie Hall)
00:50 – 20 anos sem Stevie Ray Vaughan (3/10/1954 a 27/08/1990)
01:20 – Guitarristas que influenciaram SRV: Jimi Hendrix e Albert King. Guitarristas que SRV influenciou: Scott Henderson, Eric Johnson, Kenny Wayne Shepherd e John Mayer.
05:20 – SRV tinha pegada e timbres muito peculiares (trecho de “Lenny”)
07:30 – A história por trás do disco Texas Flood (1983): depois do fracasso do show no festival de Montreaux em 1982, a oportunidade de gravar com David Bowie e usar de graça o estúdio de Jackson Browne.
14:30 – SRV fez a escolha da vida dele: excursionar com David Bowie e fazer seu nome no mainstream ou seguir no circuito fechado do blues. Escolheu o blues e ganhou muito respeito no meio, sendo o responsável pela ressurreição do gênero nos anos 80.
16:30 – “Cold Shot” (ouça trecho) foi uma das primeiras incursões de SRV na MTV, com clipe tosco e engraçadíssimo, onde ele ainda faria um acústico ao lado de Joe Satriani.
18:30 – SRV tinha uma grande integridade artística, unindo o blues à uma veia pop de ótimo gosto. Além de ser um grande performer, tinha a capacidade de tranformar o “menos” em “mais”, com fluência e groove (ouça “Couldn’t Stand the Weather”).
26:30 – A estupidez da morte de SRV (junto com toda a equipe técnica do Eric Clapton), num acidente aéreo.
29:00 – SRV levou adiante o trabalho deixado por Hendrix, mas criou sua marca própria.
30:00 – Após se recuperar do vício em cocaína, voltou em 1989 com o disco In Step, que revelava sua maturidade musical (trechos de “Crossfire” e “Tightrope”)
34:00 – Stevie Ray Vaughan deixou um grande legado que, infelizmente, hoje só é exaltado entre os guitarristas.
36:00 – Encerramento com outra grande influência de SRV: “Superstition”, de Stevie Wonder.

5 Responses to “Tungcast#024: Stevie Ray Vaughan”

  1. Lucas Rocha disse:

    Muito bom, SRV exemplo puro de uma pegada original. E realmente aquela versão de Rude Mood do acústico….é totalmente fora de série.

  2. Lucas Rocha disse:

    E, o Rafael Fernandes nao e melhor que o Jack White.

  3. Diogo Salles disse:

    Lucas,

    Aguarde o lançamento do Tungcast White Stripes, agendado para 2011. Lá saberemos se Rafael Fernandes é mesmo melhor do que Jack White.

    Por enquanto, fique com a vinheta do Tungcast, de autoria do Rafael: http://www.geekmusical.com.br/index.php/sobre-o-tungcast/

    Abs
    Diogo

  4. Roger Alexandre Bueno Glaab disse:

    Ótimo Podcast agradeço muito pelo ótimo trabalho realizado. Gostaria apenas de acrescentar que o insucesso da turnê com David Bowie se deve principalmente a jogada comercial do empresario de Stevie Ray Vaughan, quando ele solicitou um salário absurdo na época para que Stevie saísse em turnê, e Stevie nem sequer conhecia este acontecimento, sendo deixado a caminho do aeroporto na rua da amargura, e sendo substituído por outro guitarrista imediatamente. Por sorte Texas Flood com todo seu espirito rendeu essa maravilha e ele pode continuar com que amava.

    • Diogo Salles disse:

      Olá, Roger,

      Obrigado pelo esclarecimento. Essa não-ida do SRV na turnê do Bowie ainda é cheia de versões. Sorte que nada disso importou mais depois do estouro do Texas Flood!

      abs
      Diogo